novembro 28, 2011

UMA BIBLIOTECA NO MEIO DO SERTÃO

 O Sítio Três Altos é um sertão de campina árida onde o sol queima a terra,
o céu rejeita a chuva e onde o tempo passa sereno e sem pressa.
Residência e biblioteca de Danilo Bezerra  - Almino Afonso/RN

DANILO BEZERRA VIEIRA 
UM JOVEM GUARDIÃO DAS PALAVRAS

PROJETO DE ESTUDANTE POTIGUAR VIRA DOCUMENTÁRIO

O Sítio Três Altos é um sertão de campina árida onde o sol queima a terra, o céu rejeita a chuva e onde o tempo passa sereno e sem pressa. Nesse lugar brotou a Biblioteca Comunitária Presidente Juscelino Kubtischek, com mais de dois mil livros em plena terra ardente.

O semeador da idéia foi Danilo Bezerra Vieira, 17, estudante da Escola Estadual Ronald Neo Júnior. O sitio tem menos de duzentos habitantes e está localizado a cinco quilômetros da sede do município de Almino Afonso, no Médio Oeste, Rio Grande do Norte.

A história começou quando professores da escola perceberam que Danilo tinha um passatempo diferente dos outros meninos da sua idade. Enquanto todos brincavam de jogar bola e correr, Danilo se divertia lendo.  O gosto pela leitura rendeu muitas doações e quando o acervo já contava com mais de 300 títulos, ele sentiu a necessidade de dar um destino adequado a pilha de livros.

Danilo teve a ideia de montar, na sala de sua casa, uma biblioteca comunitária. No início, Dona Mara Núbia Bezerra, mãe de Danilo, desconfiou e não gostou muito de ocupar um vão da pequena residência com uma biblioteca, mas logo lá estava ela ajudando a montar estantes, a afastar os móveis e adaptar a sala ao desejo do filho.

"No começo, eu me preocupei, mas se era isso que ele queria, o que eu podia fazer era apoiar! Hoje, quando alguém tem um livro para doar, nós vamos buscar de carroça, a pé, de qualquer jeito. A sala já toda ocupada com livros, não tem lugar para nenhum móvel a não ser as estantes." Afirmou D. Mara Núbia.

 Danilo Bezerra, finalista do III Concurso do Senado 
pelo Estado do RN em entrevista concedida à TV Senado em setembro de 2011
 
 DANILO VIEIRA
ORGULHO DO RN QUE O RN AINDA DESCONHECE

No ano passado, Danilo participou do 3º Concurso de Redação do Senado. O texto escrito por ele foi escolhido o melhor do Rio Grande do Norte o que lhe rendeu uma viagem a Brasília para um encontro com os vencedores de todos os estados no Senado Federal. A participação no concurso deu visibilidade à biblioteca. O projeto chamou a atenção dos educadores e foi selecionado pelo Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (IPEA) para ser documentado, em vídeo, e foi apresentado em uma cerimônia de comemoração do 47º aniversário da instituição, realizada  em Brasília.

Este ano, Danilo, realizou  mais uma ida à  capital federal e foi recebido pela secretária de Educação do Estado, Betania Ramalho. Ele falou de sua participação em  mais um evento em Brasília. "A receptividade foi  muito boa. Lá eu falei na presença do ministro, Fernando Hadad, foi um evento muito importante. Foi mais uma honra poder representar o RN e o município de Almino Afonso em Brasília", disse Danilo.

Para a secretária, ações como essa do jovem Danilo são muito bem vindas. "Tudo que sirva para aumentar na população o gosto pela Leitura tem grande importância no plano educacional. Uma iniciativa dessa dimensão deve ser saudada e estimulada por todos nós que temos responsabilidade na condução do Ensino no Rio Grande do Norte", afirmou a professora Betânia Ramalho, secretária estadual da Educação. 

O Evento fez parte das atividades comemorativas do aniversário do Instituto e também contou com  uma palestra do  Ariano Suassuna, escritor e membro da Academia Brasileira de Letras.

Residência e biblioteca de Danilo Bezerra  - Almino Afonso/RN

O SEMEADOR DE PALAVRAS

Com 17 anos e morando no Sítio Três Altos, a 5 quilômetros do centro da cidade de Almino Afonso, no Oeste do Rio Grande do Norte, o Estudante Danilo Bezerra cursa o terceiro ano numa escola da rede estadual de ensino.

Filho de Francisco Vicente Vieira, analfabeto e sem trabalho, e de Mara Núbia Bezerra, dona de casa e sem muito estudo, Danilo Bezerra Vieira é um exemplo raro de brasileiro que os setores da Educação desconhecem.

Sozinho, o menino que tem como ídolo Juscelino Kubistchek, construiu um pedaço de um sonho que ainda tem muito a ser erguido. Juntou os livros que tinha em casa e na sala sem reboco de sua casa simples, montou uma biblioteca.

Sem apoio e provando que muitas vezes vale a força própria para ganhar o reconhecimento, Danilo não precisou de Prefeito,  Governador…mas de seu esforço e talento para chegar a Brasília como vencedor de um concurso de redação. Tema: Juscelino Kubistcheck. Foi destaque no Senado, que ficou quase um ano lhe sendo devedor da premiação, um notebook que ele ganhou por ter vencido o concurso.

   Arca das Letras, projeto criado pelo Ministério do Desenvolvimento Agrário

ARCA DAS LETRAS

A Biblioteca JK, instalada na zona rural de Almino Afonso, pelo estudante Danilo Bezerra, foi integrada ao Arca das Letras, projeto criado em 2003 pelo Ministério do Desenvolvimento Agrário (MDA).

O programa implanta bibliotecas para facilitar o acesso ao livro e à informação no meio rural brasileiro, e beneficia diariamente milhares de agricultores familiares, assentados da reforma agrária, comunidades de pescadores…

Para incentivar e facilitar o acesso à leitura, as bibliotecas são instaladas nas casas de agentes de leitura ou em associações comunitárias, pontos de cultura, igrejas…

Em Almino Afonso, o projeto reralizou a  doação de 200 livros à biblioteca rural criada pelo estudante e instalada em sua casa.

Em outubro passado, o secretário Gilberto Jales, da Secretaria Estadual de Assuntos Fundiários e de Apoio a Reforma Agrária, responsável pelo ‘Arca das Letras’ no Rio Grande do Norte, foi a Almino Afonso fazer a entrega do acervo.

 
   Danilo Bezerra Vieira  no Senado Federal - novembro/2011

FINALMENTE 

O estudante Danilo Bezerra, fundador da Biblioteca Juscelino Kubistchek, na zona rural de Almino Afonso, interior do Rio Grande do Norte, recebeu o notebook que ganhou do Senado no ano passado, como vencedor de um concurso de redação.

A entrega ocorreu este mês, em Brasília, durante solenidade onde o presidente do Senado, José Sarney, premiou os vencedores deste ano.

Além dos vencedores do ano passado, que por um problema na licitação para aquisição dos computadores ficaram sem receber os prêmios, foram receber a premiação os vencedores deste ano de todos os Estados do Brasil.

Do Rio Grande do Norte, a vencedora foi a estudante Franssoice Basília da Silva, aluna da Escola Estadual Professora Herondina Caldas, no município de Serra Caiada. Mas como ela não foi a Brasilia, foi representada por Natália Braga, que ficou em segundo lugar.


...fonte...
www.rn.gov.br

...DOAÇÕES... 
Biblioteca Comunitária Presidente Juscelino Kubitschek
Sítio Três Altos  - Casa nº 6 - Zona Rural
Almino Afonso – RN – CEP 59.760-000

6 comentários:

  1. Danilo, que história linda! Emocionei-me, parabéns! Vivemos num país onde o incentivo à leitura é algo muito primário, ter conhecimento de uma história assim me faz sentir que essa realidade pode ser transformada, ainda que a longo prazo.

    ResponderExcluir
  2. Danilo, parabéns pelo Blog, pela biblioteca e pelo prêmio da melhor redaçao do Rio Grande do Norte, além da reportagem feita pela TV Senado, reconhecendo o seu grande empreendimento que é essa bibilioteca na sala de sua casa. Parabéns à sua mae e professores por terem descoberto esse seu talento e dom pela leitura, num mundo em que os jovens pouco ou quase nada lêem. Também admiro muito o Juscelino Kubistchek. Tenho, inclusive, o DVD da mini-série JK.
    Se eu puder colaborar para o aumento de sua biblioteca, ficarei muito feliz. Gosto muito de Literatura desde criança. Aprendi o Francês para ler as obras de Victor Hugo em Francês.
    Um grande abraço.

    Ocenilda Santana de Sousa
    Tradutora-intérprete e Professora de Português e Francês
    Verviers - Bélgica

    ResponderExcluir
  3. FIQUEI EMOCIONADA COM A HISTÓRIA DO DANILO BEZERRA VIEIRA. UM EXEMPLO A SER SEGUIDO PELA JUVENTUDE BRASILEIRA,TALENTO DINAMISMO E HUMILDADE. QUE DEUS ABENÇOE ESTE JOVEM E SUA FAMÍLIA.

    ResponderExcluir
  4. Foi com muita emoção que li as matérias acima! Tive conhecimento da Biblioteca Juscelino Kubistchek através do jovem Danilo, que para mim já era um exemplo de ser humano. O Brasil terá muito que se orgulhar deste filho, que segundo creio, muitos mais motivos de orgulho dará a esse país.
    Oro, para que Deus derrame sobre ele e sua família as maiores bênçãos.

    Natália Pires
    Portuguesa, em Hamburgo - Alemanha

    ResponderExcluir
  5. DANILO BEZERRA VIEIRA É A PROVA DE QUE:COM O ESFORÇO DA BUSCA É POSSÍVEL A ALEGRIA DO ENCONTRO... E DE QUE ALGUMAS VEZES,O ESFORÇO É JUSTAMENTE O QUE PRECISAMOS EM NOSSAS VIDAS.POR ISTO DANILO,CONTINUI SENDO ESTE JOVEM APLICADO AOS ESTUDOS,QUE NÃO MEDIU ESFORÇOS DIANTE ADVERSIDADES PARA CONSEGUIR REALIZAR SEU GRANDE SONHO.SEJA SEMPRE PERSISTENTE,POIS O SUCESSO DE SUA VIDA DEPENDE TANTO DO QUANTO ESFORÇO VOCÊ PÕE EM UMA TENTATIVA, COMO DA PERSISTÊNCIA EM LUTAR POR SEUS OBJETIVOS.PARABÉNS POR TODAS SUAS CONQUISTAS!... QUE VOCÊ SEJA SEMPRE ESTA PESSOA ILUMINADA,QUE DAR ORGULHO A SEUS CONTERRÂNEOS E NORTE RIOGRANDENSES.

    ResponderExcluir
  6. Oi amigo!Parabéns grande talento amei conhecer sua belissíma história você será para nós o maior exemplo de vida.Me orgulho de saber que és um nordestino e pertencer ao meu querido estado do RN .
    Beijos,Franmata

    ResponderExcluir

Fiz uma visita e gostei!! Passa lá você também!!!